Vamos falar sobre pilinhas?

O que é o prepúcio?

O prepúcio é a zona mais sensível e erógena do pénis masculino. Está mais bem desenvolvida no ser humano que em qualquer outra espécie de mamíferos.

Anatomia

O prepúcio masculino é uma parte da pele bastante móvel e extremamente sensível que se encontra na ponta do pénis. Durante uma ereção ela rola para trás e vira-se do avesso, deixando a descoberto a glande. Este pedaço de pele tem uma função protetora da glande exatamente como as nossas pálpebras protegem os nossos olhos.

O prepúcio masculino tem mais de 20,000 terminações nervosas, o que é significativo, visto que é cerca de metade de todas as terminações nervosas do pénis.

anatomia do pénis

Desenvolvimento do pénis na primeira infância

Ao nascer a pele do prepúcio está COLADA à glande através de uma membrana chamada de lamina balano-prepucial (LBP) muito parecida com a membrana que funde a unha ao dedo, funciona como uma “cola viva”. Esta membrana tem a função de proteger a glande da irritações da acidez da urina e evitar infeções urinárias, e proteger contra bactérias nocivas como por exemplo a E. Coli das fezes,que possam por em risco a saúde da criança. O mesmo acontece com o prepúcio e glande do clitóris nas meninas.

Com o passar dos anos pequenas “pérolas” líquidas da membrana vão morrendo e deslocando, e assim, gradualmente, a pele vai-se separando do prepúcio criando espaço para que a pele se possa retrair.

Na circuncisão retiram toda a pele que cobre a glande, incluindo parte do frénulo (freio que liga o prepúcio à glande e que é outra zona bastante erógena para os homens).

A circuncisão na primeira infância, na nossa sociedade, nasceu no séc XVII porque se dizia que o homem ao sentir demasiado prazer e ejacular muitas vezes perdia energia vital (criando problemas nos olhos pulmões e coração,etc), esgotavam o esperma e depois não podiam ter filhos e era altamente imoral (aos olhos da igreja) ter sexo ou masturbar-se por prazer. Retirar aquela pele,reduzia drasticamente o prazer e consequentemente o desejo sexual. Estávamos na era dos cintos de castidade e instrumentos de tortura para evitar que as crianças tocassem nos seus genitais…

Só na puberdade, o rapaz conseguirá retrair completamente a pele no pénis (apesar de certas crianças já o conseguirem fazer aos 5 anos).

Retrair a pele à força antes dessa idade pode rasgar a membrana protectora, criando sangramento, muita dor (imagine separar a unha da carne) e problemas futuros na saúde e sexualidade masculina.

As lesões provocadas pelo puxar da pele a um menino pode deixar o tecido com cicatrizes, tornando então a pele anormalmente apertada, e assim criar uma real necessidade de circuncisão.

desenvolvimento do pénis na infância

“After reviewing the currently available evidence, the RACP believes that the frequency of diseases modifiable by circumcision, the level of protection offered by circumcision and the complication rates of circumcision do not warrant routine infant circumcision in Australia and New Zealand.”

The Royal Australasian College of Physicians, 2010.

“Circumcision of newborns should not be routinely performed.”

— The Canadian Paediatric Society, 1996.

“There is no convincing evidence that circumcision is useful or necessary in terms of prevention or hygiene… circumcision entails the risk of medical and psychological complications… Non-therapeutic circumcision of male minors conflicts with the child’s right to autonomy and physical integrity.”

 The Royal Dutch Medical Association, 2010.

Consequências a longo prazo da circuncisão

  • Mantem órgãos expostos que não deviam de estar (risco de queimadura pelo frio, assadura por contacto, etc)
  • Pode diminuir o tamanho do pénis (a falta de pele pode restringir o crescimento)
  • Seca a pele do pénis tornando-a áspera e rija
  • Descolora a cor do pénis
  • Tira-lhe sensibilidade em geral
  • Pode criar caulos nas glândulas tirando-lhes sensibilidade
  • Pode imobilizar partes do pénis por falta de pele para movimento

Consequências imediatas da circuncisão no bebé

  • Dor aguda e contínua
  • Aumento do ritmo cardíaco e da transpiração no bebé
  • Níveis altos de cortisol no sangue do bebé (stress)
  • Interrupção dos ciclos alimentares e de sono
  • Flutuações de oxigénio no sangue
  • Irritabilidade porlongada
  • Interrupção do vinculo pais-filho

Fonte: http://madsciencewriter.blogspot.in/2013/05/the-foreskin-why-is-it-such-secret-in.html?m=1

Algumas das razões médicas para a circuncisão nos homens adultos incluem:

  • Fimose: A fimose é uma condição que se caracteriza pela incapacidade de retracção do prepúcio, por este se encontrar demasiado apertado, e que ser causada por uma infecção, trauma ou pela incapacidade de soltar o prepúcio durante a infância ou adolescente. Esta condição pode causar dor e dificultar a higienização, o que aumenta o risco de infecções e leva a sintomas como o odor e desconforto.

Ou seja, forçar o recuar do prepúcio na infância pode levar à necessidade de uma circuncisão por trauma na glande!

  • Balanite aguda: Este tipo de infecção causa inchaço e vermelhidão no prepúcio, sendo frequentemente acompanhada por pus entre o prepúcio e a cabeça do pénis. Apesar de a balanite ser normalmente tratada com antibióticos (causa bacteriana) ou antifúngicos (causa fúngica), em casos recorrentes pode estar aconselhada a circuncisão.
  • Ejaculação precoce: Segundo um estudo do Dr. Temucin Senkul, médico urologista do Hospital GATA Haydarpasa Training em Istambul, na Turquia, a circuncisão pode ser uma vantagem para os homens que sofrem de ejaculação precoce, uma vez que os homens circuncisados demoram mais a ejacular. A circuncisão no homem adulto pode ajudar a reduzir a sensibilidade do pénis, permitindo aumentar o tempo de ejaculação, sem que tenha um impacto negativo na vida sexual do homem. Apesar deste facto, a circuncisão não deve ser encarada como uma cura para a ejaculação precoce, devendo ser consideradas outras hipóteses de tratamento primeiro.

Fonte:
http://pt.121doc.net/

Video sobre o tema em inglês:

https://www.youtube.com/watch?t=1131&v=D_dzeDvx2QA

Texto informativo de tradução livre com fonte nos sites a cima mencionados, por Melissa Castanheira, Doula e Conselheira de Aleitamento Materno

One thought on “Vamos falar sobre pilinhas?

  1. Carla Lopes diz:

    A cabeça do pênis TEM QUE FICAR com o prepúcio aderido a ela até mais ou menos os 7,8 anos,obviamente só tendo espaço para que ele possa urinar normalmente.

    O prepúcio cumpre uma função primordial nos primeiros anos de desenvolvimento do pinto.

    Só se caracteriza a condição fimose,quando o lá pelos 10,11 anos o prepúcio ainda não é flexível e não permite a exposição da glande nem quando o pênis está flácido nem quando está ereto. Nessa idade o garoto começa a melar a cueca e se nao estiver resolvido sente dores, é normal.

    É por isso que quando se passa a POSTEC em crianças não demora e o prepúcio volta a se fechar,se fecha PORQUE É PARA FICAR FECHADO NESSA FASE,ele está protegendo a glande,a função inicial do prepúcio “é essa” nessa fase.

    Depois que eles crescerem mais ai sim use a Postec,lá pelos 10,11,12 anos,e ai sim o prepúcio vai se soltar sem problemas e de vez durante a mastubação.

    Entenderam? Vocês estão operando num erro básico da nossa natureza,do nosso desenvolvimento natural.

    Entendo a preocupação de vocês,mas NÃO EXISTE FIMOSE EM CRIANÇAS RECÉM NASCIDAS,muito menos em crianças até 3,4,5 anos,ISSO NÃO EXISTE,essa condição só se caracterizará mais tarde,e a pomada resolve mais de 90% dos casos,e a Postec serve também para adolescentes, meu filho começou a usar com 12 anos e demorou mais menos um ano até tirar o cabresto.

    Eu entendo a preocupação de vocês,mas vocês tem até antes da puberdade (12,13 anos) para resolver isso,antes que as glândulas localizadas abaixo da base da cabeça do pênis sejam ativadas.E mesmo depois de velho dá pra consertar com a punheta.
    Só recomendo cirurgia em adulto em último caso,existem no mínimo 3 métodos antes da cirurgia para solucionar isso,e NUNCA,NUNCA recomendo circuncisão em crianças,é completamente desnecessário e doloroso.

    Depois de adulto o prepúcio preserva a sensibilidade da glande,proporcionando mais prazer sexual,a protege,e ajuda a espalhar a lubrificante natural do pinto,permite seu correto manuseio,e o estímulo prepúcio-glande é benéfico a mulher pois não precisará da parte dela tanta lubrificação
    E detalhe,a cabeça do pênis só serve para ser exposta quando o pinto esta duro.

    Então mamães se acalmem e curtam seus filhos, ajudem eles no processo e expliquem acima de tudo.

    Gostar

Partilha o que te vai na alma...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s