O poder está do outro lado

Era dia de festa de aniversário. Uma menina com uns 8/10 anos, reclama com os mais novos. E ralha, ralha, ralha, realçando que os de 2/3 anos se portam melhor do que os de 5/6 anos. E dá-lhes palmadas no rabo, chama a atenção, diz que nunca mais vai brincar com eles! Nunca mais! Portem-se bem!!

Á sua frente, dois rapazes rebeldes, fazem pouco das ordens. Riem muito, fazendo pouco da “autoridade”. Mais uma palmada, um empurrão, chega a haver uma estalada. Sempre da mais velha.

Eu, no quarto ao fundo do corredor, preparo-me para intervir, que já me estava a fazer confusão ver tanto sopapo.

E foi então que aconteceu magia.

Os dois rapazes, entre muita risota, decidem dar um grande e longo abraço à menina.

Na menina tudo mudou. Os olhos, a boca, todo o corpo relaxaram. Sorriu e voltou a ser criança. Continuaram a brincar como crianças, aos pulos e saltos, correndo, gritando, sem preocupações com bom comportamento.

Nunca subestimem o poder de um abraço.

Partilha o que te vai na alma...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s